Skip to content

Aprenda a Criar Um Cronograma de Estudos A prova de Falhas

Ei estudante, você por acaso possui dúvidas sobre como montar um cronograma de estudos eficiente e poderoso solicitados nas provas?

Se sim, saiba que você não está sozinho. Aliás, esta é uma das dúvidas mais comuns entre estudantes, e que por incrível que pareça, pode ser respondida de uma forma bem simples.

Plano de estudos. Essa será a solução dos seus problemas de concentração e de aproveitamento do que tem estudado, pois oferece uma organização maior dos momentos livres para estudar, delimitando quais matérias precisam de um nível de dedicação maior, quando fazer exercícios para testar seu conhecimento e os outros itens presentes em um planejamento que melhoram o seu aprendizado.

Mas entenda, um cronograma de estudos  pode te ajudar a potencializar o aprendizado e organizar seu tempo desde que esteja 100% disposto a fazer que “ele” propõe – que no caso, é você mesmo que irá determinar conforme as suas necessidades.

Confira abaixo dicas referente a criação do plano de estudos altamente eficaz.

Cronograma de Estudos padrão e o customizado

Existem duas opções de plano de estudos que você pode usar, sendo o primeiro padronizado e o segundo customizado.

Ao optar pelo padrozinhado você acaba não desenvolvendo a sua rotina de estudo com base em suas necessidades, já o customizado te permite uma autonomia maior para desenvolvê-lo como quiser.

Justamente por isso que o ideal é criar um plano de estudo altamente eficaz ao qual seja baseado unicamente em sua rotina e necessidades, ou seja, que possa ser customizado.

Esse plano pode ser montado como desejar e achar melhor, o que significa que pode separá-lo em diversas partes (veja isso nas outras dicas).

Como é a sua rotina? Você trabalha e estuda? Ou apenas estuda?

Para criar um cronograma de estudos eficaz é preciso conhecer a sua rotina e ter noção sobre o tempo livre que possui para se dedicar aos estudos.

Por isso que esse plano deve ser criado de forma customizada, pois assim pode analisar sua rotina como um todo e começar a planejar “mentalmente” as suas tarefas.

Assim, pode criar uma espécie de esboço sobre como ficará esse plano oficial, a qual tenha chance de montar um cronograma adaptado ao seu dia-a-dia.

Tenha certeza de quais são seus tempos livres para estudar, tendo noção sobre quanto tempo precisa para descansar, trabalhar e entre outras atividades da sua rotina.

Quais as matérias deve estudar, e quais merecem uma atenção a mais?

Outro passo importante antes mesmo de começar a criar seu plano de estudo é a definição das matérias que precisa estudar.

O ideal é que reúna em um papel, ou em um bloco de notas em seu computador, todas as matérias que precisam ser estudadas, além de qualificá-las com um nível de importância e dificuldade.

Essas descrições podem facilitar a criação do cronograma de estudos que passa a ser aplicado em seu planejamento, facilitando na organização e dedicação das matérias que merecem uma atenção maior.

Além disso, não deixe de identificar quais são as matérias mais extensas para que aumente o seu tempo de estudo.

Comece a estruturar seu plano de estudos com informações

Depois desse acoplado de informações que se referem a sua rotina e também,  a  respeito das matérias que devem estudar, chegou o momento de começar a dar vida ou melhor, estrutura, ao seu plano de estudos.

Esse processo é simples, na verdade, basta que determine quais serão os tópicos aplicados sobre o mesmo.

A estrutura pode ser como você achar melhor, seja uma tabela com os horários, matérias e outras informações relacionadas ao período de estudo, ou então seu planejamento pode ser feito em formato de calendário e até mesmo dinâmico – que no caso, é uma vantagem obtida apenas ao criar o plano de estudo online.

Não esqueça de deixar o seu Cronograma em um local visível

Não adianta você ficar horas montando seu plano de estudo se depois deixá-lo em um local que tem pouca visualização, ou então mantê-lo no computador.

Se a ideia é criar um plano para facilitar e organizar seus estudos, será preciso por o mesmo em um local visível para começar a colocar o cronograma de estudos em prática.

Tente deixá-lo na porta da geladeira, no espelho do seu quarto, ou até mesmo a partir do seu celular. Todas as opções são válidas, mas desde que sejam simples de visualizar.

Assim, ao bater os olhos ao local ou objetivo, poderá analisar seus horários, planos e entre outros que foram aplicados diante do plano de estudo.

** Para te ajudar a ter uma ideia de plano de estudo, confira o exemplo abaixo:

Repare que neste exemplo a pessoa separou seu dia em três períodos para que tivesse uma melhor divisão do seu tempo e claro, pudesse dividir de uma forma justa as matérias que precisava estudar.

Porém, repare que esse plano é de uma pessoa com tempo livre para estudar, incluindo a noite, onde seu compromisso é a aula – sendo um bom momento para tirar as dúvidas que teve durante o dia.

Mas além disso, é interessante notar que a pessoa separou tanto a sua manhã, como a tarde em uma espécie de dois períodos (totalizando 4 períodos).

Assim, no período da manhã, ao invés de estudar apenas uma matéria a pessoa tinha a possibilidade de se dedicar às duas – e aliás, sempre inicie com matérias difíceis.

Neste plano de estudo também pode perceber que a pessoa acrescentou outra atividade em dias alternadas na parte da manhã, no caso, a atividade física, que por sinal pode gerar o bom funcionamento do cérebro e o equilíbrio emocional.

Aliás, ambos “resultados” são fundamentais para melhorar a sua produtividade no estudo, pois auxilia na memorização e concentração conforme você estuda.

Conclusão

Tecnicamente, a criação do seu plano de estudo altamente eficaz depende do quanto você está disposto a organizar e controlar a sua rotina.

Desenvolver um planejamento em sua rotina é algo que exige disciplina e atenção, para que de fato cumpra com o cronograma de estudo desenvolvido, sem prejudicar uma atividade ou outra. Portanto, tenha foco e comece a organizar as suas obrigações rotineiras.